alimentos transgenicos

O que são alimentos transgénicos?

A procura de rentabilidade e eficiência favoreceu o desenvolvimento de alimentos transgénicos. Alimentos transgénicos são aqueles que possuem genes de outras espécies. Assim, esses alimentos podem ter características de outros, que não teriam naturalmente.

Tipos de transgénicos

Existem três tipos diferentes de alimentos transgénicos:

  1. Aqueles que melhoram a produção animal usando diferentes substâncias. Um exemplo desse tipo são as hormonas fornecidos às vacas para produzirem mais leite. Essa hormona é proibida em alguns lugares, como a União Europeia.
  2. Substâncias extraídas de microrganismos através de técnicas de DNA recombinante, utilizadas na indústria alimentar. Por exemplo, a quimosina recombinante é usada para produzir queijo.
  3. Animais transgénicos que produzem leite com proteínas humanas ou com menos lactose. Embora isso ainda não seja comercializado, é cada vez mais conhecido e há mais informações sobre essa técnica.

alimentos transgenicos leite

Prós e Contras

Existem grupos a favor e contra alimentos transgénicos. Ambos têm argumentos sólidos. Ou para apoiar esses alimentos geneticamente modificados ou para rejeitá-los. Vamos descobri-los:

A favor

Os que são a favor destes alimentos baseiam-se nos seguintes argumentos:

  • As culturas são protegidas contra diferentes organismos patogénicos, como vírus ou alguns insetos.
  • Os alimentos obtidos de culturas geneticamente modificadas resistem e duram mais e, além disso, fornecem mais nutrientes ao corpo.
  • Sendo mais resistentes, eles podem ser cultivados em mais lugares. Isso torna possível o cultivo em áreas semi-desérticas, onde as culturas naturais não podem ser desenvolvidas.
  • Uso de pesticidas é reduzido, uma vez que essas plantas são resistentes a eles. Isso tem um duplo impacto positivo.
  • Afetam positivamente o ambiente e a economia dos negócios, reduzindo custos.
  • Também aumentam a rentabilidade, produzindo frutas maiores.
  • Como é possível adicionar características de outras espécies, é possível adicionar proteínas, combatendo problemas a nível de nutrição.
  • crescimento de animais e plantas é mais rápido.

Contra

  • Sendo algo relativamente novo, não se sabe com certeza o efeito que eles pode ter nos ecossistemas. Pode colocar em risco a biodiversidade, pois eliminam outros organismos.
  • Vírus e fungos podem sofrer mutações e criar novas espécies desconhecidas, para se adaptarem à nova situação.
  • Podem ser resistentes a antibióticos.
  • Prejudica pequenos e médios agricultores, uma vez que apenas algumas grandes multinacionais têm as sementes modificadas e podem trabalhar sem sacrificar o seu lucro.
  • Acredita-se que possam reduzir a fertilidade.

Ambas as visões são lógicas e possuem bons argumentos. No entanto, teremos que esperar algum tempo para ver quais os verdadeiros efeitos dos alimentos transgénicos.